sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Cooperativas se unem em busca de melhorias para Serra Pelada


A união faz a força. O ditado popular pode até ser comum no dia a dia, mas para as cooperativas de garimpeiros de Serra Pelada a frase tornou-se realidade nessa quinta-feira numa reunião em Curionópolis (PA) que contou com a presença de oito presidentes de cooperativas para discutir as questões sociais de interesse da comunidade daquela vila, localizada a 50 km desse município.

Na oportunidade,  o engenheiro civil Antônio Artur Farias de Sousa, que é servidor público da Coahb, do governo do Pará, fez um esclarecimento (por iniciativa própria e não como servidor) aos dirigentes de cooperativas sobre a oportunidade que existe atualmente deles se unirem, por intermédio de uma nova realidade, que é a criação de uma entidade, para poder permitir a gerência de capacitação de recursos visando a  implementações de ações voltadas para moradia. “Seria a implantação de um plano de desenvolvimento econômico e social para a região Serra Pelada. As próprias cooperativas, através da criação de uma nova entidade, propiciariam o avanço significativo daquilo que todo mundo vem esperando ao longo do tempo, que é a melhoria de qualidade de vida da população de Serra Pelada”, disse ele.
Artur Farias e a assistente social Marcelina Campos apresentaram um perfil sócio-econômico da vila de Serra Pelada, realizado no ano passado  pela Coahb, em parceria com a prefeitura de Curionópolis, com a participação dos agentes comunitários de saúde e da assessoria de Planejamento da prefeitura.  A Coahb ouviu 2.758  famílias de Serra Pelada, sendo 58% homens e 42% mulheres. Segundo o estudo, a população de Serra Pelada e estimada em 5.600 moradores.
“Tivemos o apoio da prefeitura de Curionópolis para realizarmos esse estudo de tal maneira que pudéssemos se espelhar nesses dados para o encaminhamento de propostas de políticas públicas que pudessem mudar a realidade da comunidade de Serra Pelada”, destacou Artur, acrescentando que o próximo passo “será a formatação de uma entidade, via consultoria, juntamente com o planejamento estratégico sócio econômico dessa nova entidade, de uma forma que possamos criar uma pauta até o final de setembro de interesse de todas as cooperativas e da comunidade de Serra Pelada”, informou.
O presidente da Cooperativa de Mineração dos Garimpeiros de Serra Pelada, Gessé Simão, lembrou que até pouco tempo as cooperativas não conseguiam andar unidas, mas que agora essa situação mudou. “Andando juntos nós vamos conseguir levar desenvolvimento para Serra Pelada e com o apoio do prefeito Chamonzinho a coisa agora vai funcionar. Já era um desejo das cooperativas e da comunidade de Serra Pelada desenvolverem  programas sociais de interesse da população”, afirmou.
O prefeito de Curionópolis, Wenderson Chamon, disse que a prefeitura municipal está pronta para receber investimentos tanto do governo estadual quanto do governo federal em benefício dos moradores de Serra Pelada e de Curionópolis.  “Esse estudo vai permitir que sejam implementadas políticas públicas em Serra Pelada. Toda união a favor do povo é bem vinda. Quando todo mundo se une para trabalhar pela qualidade de vida da nossa gente, com certeza quem ganha é o povo”, disse o prefeito.
A vice-prefeita de Curionópolis, Iraídes Campos, que também participou da reunião, destacou que o encontro foi válido “porque as pessoas competentes para fazer isso estão aqui, ou seja, os presidentes de cooperativas sediadas lá em Serra Pelada”. Segundo ela, “nada mais justo e necessário e mais merecido para o povo de Serra Pelada do que essa reunião e essas pautas que foram levantadas pelos dirigentes das cooperativas”, disse Iraídes.
Para Telmo de Sousa, subprefeito de Serra Pelada a reunião foi de grande relevância. “Esses dados são reais e representam a realidade de Serra Pelada. Essa união das cooperativas é o verdadeiro caminho para que se possa concretizar as coisas que a população almeja na área social”.
Além de Gessé Simão, da Coomigasp, participaram da reunião em Curionópolis os seguintes presidentes de cooperativas: Marilene Machado (Coopag); Raimundo Benigno Moreira (Cooperserra); João Paulo Bicalho (Consule); Raimundo Lopes, o Raimundinho (Coomic); Joaquim Marciano (Coomispe);  Francisco Bandeira (Coopeserrado); Jafir Salvador (Freddgasp), delegados regionais da Coomigasp, diretores e o presidente do Conselho Fiscal da coopeativa, Valdeci Fogoió; o presidente da Câmara de Vereadores de Curionópolis, Joãozinho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário